RELEASE OFICIAL – Brasil vai sediar o maior congresso mundial para debater prevenção e tratamento às drogas, capacitação científica e informação

Release Oficial

“Álcool e outras drogas: por um mundo melhor, vamos tocar neste assunto”. Este é o tema do 4º Congresso Internacional Freemind 2016, que acontecerá de 7 a 11 de Dezembro deste ano no Expo Dom Pedro em Campinas, São Paulo. A realização é da Mobilização Freemind, criada no Brasil em 2012 e hoje tornou-se uma referência de unidade no setor de drogadição e faz parte de uma rede mundial de organizações, reunindo os maiores especialistas e instituições que atuam nesta área no país.

Com 30 painéis temáticos inovadores, que vão desde a dependência digital, passando pela drogas lícitas e ilícitas, a educação e a comunicação, o evento está sendo considerado o maior congresso mundial com o objetivo de debater a prevenção e o tratamento de drogas, por meio da informação, mobilização e capacitação científica.

Estão previstos mais de 3.000 participantes, entre brasileiros e estrangeiros e representantes de 300 cidades e 26 estados. Entre eles, 16 palestrantes internacionais de várias entidades, como a ONU (Organização das Nações Unidas), OMS (Organização Mundial da Saúde), OEA (Organização dos Estados Americanos) e Governo Americano. Entre os 18 palestrantes brasileiros, especialistas de renome como Dr. Augusto Cury, Dr. Anthony Wong, Dr. Ronaldo Laranjeira, Dr. João Lotufo, Padre Haroldo e o ex-jogador de Vôlei Giba, que atua na prevenção a partir do esporte.

As palestras e debates dos 30 painéis temáticos estão divididos nos seguintes temas: 

Grande Auditório:

  1. Painel sobre Álcool: O quanto o uso precoce prejudica os jovens?
  2. Painel Espiritualidade: É um remédio para prevenção e tratamento?
  3. Painel Família & Educação: Quem ensina e quem educa?
  4. Painel Maconha: Será que legalizar resolve?
  5. Painel Dependência Digital: Até que ponto a tecnologia é boa ou ruim?
  6. Painel Adolescentes: Onde tudo começa?

Serão 2 dias com 3 auditórios que abordarão assuntos diferentes nas áreas de família, tratamento e prevenção:

Auditório Família

  1. Painel Grupos de apoio: Quando devo procurar ajuda?
  2. Painel Moradores de rua: Você imagina seu filho nessa?
  3. Painel Formação para os pais: A informação é o melhor remédio?
  4. Painel Família como proteção: Estou cuidando como deveria?
  5. Painel Escola & Família: Qual a responsabilidade de cada um?
  6. Painel Espiritualidade em casa: Obrigação ou Satisfação?
  7. Painel Gravidez de risco pelo uso de drogas: Como evitar?
  8. Painel Justiça: Que atenção se deve dar a um jovem infrator?

Auditório Tratamento

  1. Painel Comunidades Terapêuticas: Onde, Para que e Para Quem.
  2. Painel Temas jurídicos das Comunidades Terapêuticas
  3. Painel Comunidades Terapêuticas na Rede de Atenção AD
  4. Painel Indicadores e Produção Científica na Comunidade Terapêutica
  5. Painel Diálogo entre a Comunidade Terapêutica e a Política Pública de Saúde Mental no Brasil
  6. Painel Programa Recomeço – Estado de São Paulo
  7. Painel O Trabalho como Processo Terapêutico e de Reinserção Social

Auditório Prevenção

  1. Painel Espiritualidade: Como inserir jovens que são alheios a este assunto?
  2. Painel Drogas de balada: Como lidar com elas e os filhos adolescentes?
  3. Workshop de Prevenção ao uso de drogas para Pais e Professores.
  4. Painel Drogas Lícitas – Álcool, Cigarro e Medicamentos: Perigo ou Prazer?
  5. Painel Mídia e Comunicação: O que é informação e o que é notícia?
  6. Painel Prevenção nas escolas: Como lidar com este tema?
  7. Painel Adolescentes e suas Emoções: Damos a atenção necessária?
  8. Painel Bullying: É uma possível causa para o uso de drogas?

 

Freemind: capacitação e mobilização da sociedade

A proposta do 4º Congresso Internacional Freemind é estimular e proporcionar o maior envolvimento e a reflexão de toda sociedade para debater um tema difícil, porém, de fundamental importância, uma vez que envolve vários segmentos do cotidiano e que, muitas vezes, passam despercebidos pelos cidadãos em todo o Mundo.

Estarão presentes mais de 162 personalidades ligadas às áreas de saúde, educação, esporte, prevenção, tratamento, assistência social, entre outras, que irão discorrer sobre o problema da drogadição, suas causas, consequências e possíveis soluções.

Uma das grandes novidades desta edição do Congresso é a Capacitação Internacional promovida pelo ISSUP – International Society Of Substance Use Prevention And Treatment Professionals, uma iniciativa de entidades internacionais, com foco na prevenção e tratamento de drogas. Serão ministrados 11 cursos no congresso: 5 para brasileiros, 4 para brasileiros e estrangeiros e 4 para representantes internacionais.

Os cursos estão divididos em 3 categorias:

Prevenção: Ciência da Prevenção, Prevenção na Família e Prevenção na Escola;

Tratamento: Fisiologia e Farmacologia, Crianças Adictas e Grávidas Adictas;

Temas diversos: Natureza da Dependência Química, Pesquisa Científica em Universidades e Maconha.

Os participantes receberão treinamento e terão uma certificação internacional. A partir de um curso complementar devidamente aprovado, poderão ser credenciados para atuar como multiplicadores no trabalho de prevenção, educação e tratamento de dependentes químicos

Durante o congresso acontecerá o I Simpósio Estadual do Amor Exigente. Neste Simpósio da Região de Campinas, terá a presença de especialistas no assunto a fim de auxiliar os que buscam soluções com Amor-Exigente.

A II Conferência Nacional de Comunidades Terapêuticas também está reservada para acontecer no Congresso. Organizada pela Febract, ao longo de 25 anos ministra cursos mensais em Campinas e em todo o território brasileiro e já capacitou em torno de 15.000 pessoas ligadas direta e indiretamente à prevenção, ao uso de drogas e tratamento de dependentes químicos.

Uma atividade também muito aguardada é o Workshop das Ferramentas do Programa Freemind, desenvolvido pelo Dr. Augusto Cury, ensina as pessoas a levarem uma vida emocional mais saudável através de doze ferramentas baseadas no livro “Mente Livre e Emoção Saudável” do Dr. Augusto Cury.

Investimento internacional no Brasil

As maiores entidades internacionais ligadas ao setor de drogadição no Mundo estão investindo mais de R$ 1 milhão nesta Mobilização Nacional em 2016. De acordo com os idealizadores do Freemind, a sociedade organizada se beneficiará com os resultados obtidos com essas capacitações direcionadas às áreas de prevenção e tratamento.

Após investir US$ 13 bilhões no combate às drogas nos últimos 10 anos, o governo norte-americano constatou que o percentual de 5% de dependentes químicos no mundo permaneceu estável justamente pela atuação de entidades e ONG’s que trabalham com prevenção e tratamento. Através disso, percebeu-se que é mais barato, eficiente e necessário investir em capacitação científica de voluntários e profissionais para manter e, principalmente, diminuir este índice.

A primeira capacitação foi feita em julho de 2015, durante um congresso realizado em Bancoc, na Tailândia, envolvendo 372 pessoas de 42 países. Após este evento, houve um encontro no México para oficializar a formação do ISSUP e convidar entidades mundiais para fazerem parte do conselho diretor. A América Latina ficou com três cadeiras, sendo duas delas para o Brasil (Amor Exigente e Freemind) e uma para o México, que receberá a capacitação no ano que vem. Em 2018 será a vez da Europa receber o treinamento.

Patrocínios e apoio ao Freemind

Somos Educação – Governo Americano – ISSUP – IORM – Fazenda da Paz – EPTV – BAND – Jornal Correio Popular – Governo do Estado de São Paulo – Prefeitura Municipal de Campinas entre outros.

Mobilização Freemind

Segundo seus coordenadores, a ideia desta mobilização é despertar a sociedade para o grande problema das drogas. Surgiu após o encontro com um jovem dependente, machucado e faminto, numa madrugada, em São Paulo.  A partir daí outras pessoas se uniram e passaram a formar um grupo, para tentar fazer algo em favor de uma causa que há tempos assusta e entristece a sociedade brasileira e mundial: a dependência química. Mobilizados, empresários, profissionais liberais, religiosos e dependentes em recuperação, começaram uma verdadeira cruzada.

Hoje, o Freemind conta com vários parceiros no Brasil: Instituto Padre Haroldo, Academia de Inteligência do Dr. Augusto Cury, Dunga da Canção Nova, Arte pela Vida da Comunidade Recado, Doutores da Saúde do Hospital Universitário da USP, Aliança de Misericórdia, Fazenda da Esperança, Amor Exigente, entre outros. Após a realização do 1º Congresso Internacional Freemind em 2013, com recursos integralmente gerados pela iniciativa privada, várias ações de cunho educacional são desenvolvidas com o objetivo de prevenir as pessoas sobre os malefícios das drogas lícitas e ilícitas.

Além de 3 congressos internacionais, o Freemind já realizou, entre outras atividades, 14 Viradas da Prevenção, 321 eventos e já atuou em 101 escolas, envolvendo 77.200 pessoas entre alunos, pais e professores.

O principal conceito do Freemind é a mobilização, um movimento com ação. Não adianta a sociedade cobrar uma solução sem colocar a ‘mão na massa’ e se envolver diretamente na solução dos problemas das drogas no Brasil. Uma mobilização organizada, isto é: a sociedade civil como um todo, por meio do Primeiro Setor (Legislativo, Executivo, Judiciário e Conselhos Municipais), Segundo Setor (Escolas, Universidades, Empresas e Associações de Classe), Terceiro Setor (Instituições, Fundações e Entidades Sociais) e a população em geral, principalmente pelos núcleos familiares. Numa guerra, a mobilização é rápida, em função do sofrimento que ela representa. Esta guerra é de todos e é preciso enfrentá-la com as armas da educação, do amor e da espiritualidade.

Serviço
Evento: 4º Congresso Internacional Freemind
Data: 7 a 11 de dezembro de 2016
Horário de abertura: 19h
Local: Expo Dom Pedro
Endereço: Av. Guilherme Campos, 500 – Jardim Santa Genebra, Campinas – SP

Para mais informações
Tel.: (19) 2103.9149 / 99909.1706
Contato: Bruna de Oliveira
E-mail: [email protected]